INÍCIO     |     NOSSA EMPRESA     |     ORIENTAÇÕES    |     MENSAGEIRO     |      ARTIGOS      |     ENTRETENIMENTO    |      BORKINFO     |     FAMÍLIA BORKENHAGEN

Início | Artigos, Manifestos e Reflexões | Atitude Cristã | Arquivos | Despesas – coisa de máfia?

Despesas – coisa de máfia?

Mensagem Nº 03 - Edição Nº 28

Dizem os dicionários se contabilidade que despesas são os gastos necessários para se obter uma receita. Quer dizer: para que eu tenha saúde amanhã (tenha um ganho, uma receita, um dia a mais de vida) devo alimentar-me, hoje. Alimentar-se é consumir alimentos; alimentos custam dinheiro; e dinheiro se ganha trabalhando (na forma honesta de viver).

Para quem se estabelecer com um comércio, com uma indústria, ou como prestador de serviços, há regras a cumprir, leis a obedecer, impostos a pagar. A forma de tributação de uma pessoa jurídica pode ser: pelo Simples, pelo Lucro Presumido ou pelo Lucro Real. Cada empreendedor escolhe a forma que lhe seja mais adequada, mais econômica, menos burocrática, contando para isso com o assessoramento de um profissional contábil.

Uma pessoa física (natural) também precisa sujeitar-se à legislação aplicável sobre seus ganhos. Seja ela um empreendedor, dirigente de um empreendimento, empregado de uma pequena ou grande organização, ou mesmo trabalhor autônomo ou empreendedor individual, deverá observar o valor de seu ganho mensal e calcular o tributo exigido de acordo com uma tabela progressiva, na maioria dos casos. Para toda e qualquer atividade que a pessoa exercer, o Fisco (leão) sabedor que é de como funciona a equação “Receita x Despesa”, estabelece um limite de despesas para reduzir o valor tributável de seus ganhos. Ocorre que há cidadãos, e dentre eles alguns maus profissionais contábeis, que propõe, a seus clientes, fórmulas mágicas para pagar menos impostos, e mesmo conseguir uma restituição maior que a correta. Eles ‘fabricam’ despesas, incluindo valores incorretos de gastos que não existiram, na Declaração ao Imposto de Renda, formando verdadeira máfia, mas a Receita Federal a partir de 15/03/2011 está fiscalizando escritórios de contabilidade que já ‘aprontaram’ em anos anteriores. Saiba escolher!

Edvino Borkenhagen – bsc@borkenhagen.net

Contador iguaçuense com 28 anos de experiência

 

Visite a página do jornal, clique aqui e confira outras matérias.

Avenida Salvador Guerra, 80 - Jardim América - Foz do Iguaçu, PR | Fone/Fax: 45 3028 6464

Borkenhagen Soluções Contábeis Ltda.

Copyright © Desde 1997 - Direitos reservados