INÍCIO     |     NOSSA EMPRESA     |     ORIENTAÇÕES    |     MENSAGEIRO     |      ARTIGOS      |     ENTRETENIMENTO    |      BORKINFO     |     FAMÍLIA BORKENHAGEN

Início | Mensageiro | O trabalho complica

O trabalho complica

Diz um ditado que “O trabalho enobrece o homem!”. A isso alguém replicou: “Então eu já deveria ser um príncipe, pois tenho trabalhado muito!” Lá nos anos 60, o Professor Anselmo Schüller, de saudosa memória, disse “Não importa o que você faz; importa como você faz!”

Paulo Coelho há cerca de 3 anos, escreveu: Quem consagra seu trabalho a uma causa maior, trabalha mais que os outros, se envolve com os menores detalhes, sofre decepções, não consegue dormir algumas noites, e, muitas vezes, fica tenso e assustado. Os outros dizem: "coitado, olha só o sacrifício que fulano está fazendo!". E vão para o trabalho, cumprem por obrigação as oito horas diárias, ficam esperando o final de semana, e despencam num domingo cujo principal terror é a segunda-feira. "Mas não me sacrifico no trabalho", consolam a si mesmos. Aquele que dedicou seu trabalho à causa maior sabe o que quer dizer "sacrifício": a fusão de "sacro" e "ofício", ou seja, o trabalho sagrado. Então, apesar de todas as dificuldades, o que faz, tem um sentido. Sua vida não se resume a esperar o final de semana que passa logo. Quem dedica seu trabalho a uma causa maior tem a eternidade para deliciar-se com seus sonhos.

Passeando um pouco pelos pensamentos de diversos expoentes, voltamos à realidade e nos perguntamos: Como assim, o trabalho complica? Pois claro, complicam os comunicadores que distorcem a informação. Por exemplo: Em 25 de abril de 1926 o senador João Lira Tavares defendeu a regulamentação da profissão contábil. Em 22 de setembro de 1945 foi criado o curso de Ciências Contábeis, pelo Decreto-lei 7.988. Passaram a ser formados Contadores. Em 20 de novembro de 1945, através do Decreto-lei 8.191, os “guarda-livros” passaram à condição de técnicos em Contabilidade. Em 27 de maio de 1946, pelo Decreto-Lei 9295, as profissões de contador e de guarda-livros foram regulamentadas. Assim em 22 de setembro se comemora o Dia do Contador e em 20 de novembro se comemora o Dia do Técnico em Contabilidade (que não cursou faculdade). Então por que divulgam que 25 de abril é o Dia do Contabilista? Não existe a profissão de contabilista! Dia 25 de abril é o Dia da Contabilidade. São os comunicadores que complicam.

Com o 1º de maio é a mesma coisa. Em 1886, em Chicago, nos Estados Unidos houve um levante de empregados reivindicando redução da jornada de 12 horas para 8 horas diárias. No Brasil o Dia do Trabalho é feriado graças a um projeto de lei do deputado Sampaio Ferraz aprovado no Congresso em 1902 e a lei 662, surgida em 1949. Chamar essa efeméride de Dia do Trabalhador é como se fôssemos tratar por trabalhador somente o operário de fábrica ou quem executa tarefas mais rudes. Como ficariam os que atuam em gabinetes, em escritórios, em bancos? Quem exerce um cargo de chefia, de capataz, de mestre de obras, de gerente, não seria um trabalhador? Sem polemizar, digamos que: “O trabalho dignifica quem o executa!”

Edvino Borkenhagen

TRABALHO – QUEM GOSTA

DO QUE FAZ, FAZ MELHOR!

Do diretor de um jornal, passando pelo jornalista, pelo diagramador, pelo impressor, pelo zelador, quem é trabalhador? Todos! Na BORKENHAGEN respeitamos todas as atividades lícitas.

FELIZ DIA DO TRABALHO!

BORKENHAGEN

www.borkenhagen.net

Fone 3028-6464

O fone da contabilidade

Coluna do Mensageiro - Registro 0123526, 18/08/2003, Títulos e Documentos

ANO XIII, Mensagem 666

Veja na imprensa, em 29/04/2011, clicando aqui.

Avenida Salvador Guerra, 80 - Jardim América - Foz do Iguaçu, PR | Fone/Fax: 45 3028 6464

Borkenhagen Soluções Contábeis Ltda.

Copyright © Desde 1997 - Direitos reservados